Sobre nossa Universidade e nosso curso:

Histórico - 50 anos!

A Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR) é uma instituição de ensino superior pública e gratuita, criada pela Lei Estadual nº 13.283, de 25 de outubro de 2001, alterada pela Lei Estadual nº 13.385, de 21 de dezembro de 2001, Lei Estadual nº 15.300, de 28 de setembro de 2006 e pela Lei Estadual nº 17.590, de 12 de junho de 2013. Está vinculada à Secretaria de Estado da Ciência, da Tecnologia e Ensino Superior (SETI).

Constitui-se em uma das sete universidades estaduais públicas do Paraná, abrangendo os seguintes campi: Apucarana, Campo Mourão, Curitiba I, Curitiba II, Paranaguá, Paranavaí, União da Vitória e a Escola Superior de Segurança Pública da Academia Policial Militar de Guatupê, unidade especial, vinculada academicamente à Unespar, por força do Decreto Estadual 9.538, de 05 de Dezembro de 2013. Abrange uma área de 150 municípios, alcançando 4,5 milhões de pessoas.

  O quadro de servidores é composto por 1.077 pessoas que atendem mais de 12 mil alunos em cursos de graduação e pós-graduação. Oferta 67 cursos de graduação, bacharelados e licenciaturas, distribuídos em seus sete campi e em 15 centros de áreas. Possui três programas próprios de pós-graduação stricto sensu (Mestrado) aprovados pela Capes. Oferta ainda 19 cursos de especialização em diversas áreas do conhecimento. O ingresso na UNESPAR acontece via vestibular realizado uma vez ao ano e também pelo Sistema de Seleção Unificado (SiSU). 

A UNESPAR satisfaz referenciais de qualidade para ensino, extensão e pesquisa em nível superior e tem como missão gerar e difundir conhecimento científico, artístico-cultural, tecnológico e a inovação, nas diferentes áreas do saber, para a promoção da cidadania, da democracia, da diversidade cultural e do desenvolvimento humano e sustentável, em nível local e regional.

Nos 7 campi que integram a UNESPAR estudam, aproximadamente, 12.000 alunos. O Campus de União da Vitória possui dois Centros de Área: Centro de Ciências Exatas e Biológicas e Centro de Ciências Humanas e da Educação. A região de União da Vitória abarca sete municípios e conta com uma população de 121.658 habitantes.


Endereço, clique:

Unespar - A antiga FAFIUV

Na década de 50, União da Vitória estava entre as maiores e mais prósperas cidades do Estado, era a mais importante cidade do sul e do sudoeste do Paraná, exercendo influência social e cultural sobre toda a região. Nessa conjuntura, começou a ser pensada a possibilidade de criação de curso superior em União da Vitória. Em 22 de dezembro de 1956, o Governador Moisés Lupion sancionou a Lei n.º 3001, de 22 de dezembro de 1956, criando a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras, subordinada à Secretaria de Educação e Cultura do Estado do Paraná. Logo no princípio do ano seguinte, pelo Decreto n.º 8474, de 25 de fevereiro de 1957, foi designado para ocupar o cargo de primeiro Diretor da Faculdade o eminente Prof. Dr. Luiz Wolski, de saudosa memória.

Criada no Governo de Moisés Lupion, a FAFIUV era uma das pioneiras do ensino superior fora da Capital, e ao longo de mais de cinco décadas de atividades vem formando professores que servem ao Sul do Paraná e ao Norte Catarinense. A sociedade de União da Vitória - PR e de Porto União - SC conta com ilustres cidadãos formados pela Instituição que têm desempenhado relevantes funções públicas e na atividade econômica. Esta Instituição está engajada e articulada em objetivos comuns: geração, preservação e transmissão do saber em todos os seus aspectos, no campo das artes, das ciências, das humanidades e da tecnologia, oferecendo ensino público, gratuito e de qualidade, prestando serviços à comunidade e sustentando o desenvolvimento desta, considera-se que no interior do dinamismo de suas funções a Instituição de ensino superior se constitui como instância critica do saber, como palco do debate, do confronto, da busca, ingredientes indispensáveis na formação dos universitários. A Educação Superior se configura, nesta perspectiva, como aquele espaço amplo, capaz de abrigar e administrar uma convivência pluralista em termos de diferentes saberes, diferentes ideologias, diferentes credos e diferentes segmentos.

O Campus de União da Vitória assume funções e compromissos de uma instituição universitária: produção, transmissão, disseminação do conhecimento e prestação de serviços à comunidade, tendo por objetivo promover e desenvolver todas as formas de conhecimento, por meio do ensino, de pesquisa e da extensão. Objetivamente, esta Instituição de Ensino Superior tem sua missão definida na própria essência da Universidade, que se traduz na produção e disseminação do saber científico, tecnológico, artístico e cultural através de suas funções precípuas de ensino, pesquisa e extensão voltados para a formação do profissional-cidadão. Desde sua origem, o Campus da UNESPAR procurou assumir um compromisso com o desenvolvimento da região, para ser um centro irradiador e transformador da estrutura cultural de sua área de intervenção, encontrou respaldo junto aos municípios que compõem a sua região de abrangência. O compromisso primordial é com o desenvolvimento socioeconômico cultural e científico da região sul do Paraná e do norte de Santa Catarina. Sua área de abrangência compreende 22 municípios com uma população estimada em 300.000 habitantes.

O curso de Geografia

No ano de 1965, foi encaminhada à Secretaria de Educação do Estado do Paraná a documentação que solicitava a abertura do curso de Geografia da então Faculdade Estadual de Filosofia, Ciências e Letras de União da Vitória - FAFIUV. A criação do curso se deu oficialmente em 1966 quando também foi criado o curso de Letras, pela Lei Estadual nº 5.320, de 10/05/1996. Os cursos foram transformados em Licenciatura Plena pelo Decreto Estadual nº 21.692 de 27/04/1970. O curso de Geografia funcionava inicialmente com seis professores.

O Centro de Estudos Geográficos foi fundado no ano de 1969 promovendo semanas de cursos de extensão universitária, prática adotada até hoje.

O curso de Licenciatura em Geografia participa anualmente de chamadas e editais de projetos/programas como os de Iniciação Científica, Universidade sem Fronteiras e Programa de Iniciação à Docência. Tais práticas permitem que o aluno tenha a oportunidade de realizar atividades que visam contribuir com sua formação, isso somado ao fato de que se vinculam a projetos dos professores, culmina com uma contribuição significativa no crescimento intelectual e acadêmico do curso e da Universidade. O corpo docente do curso está em constante aperfeiçoamento e já conta com um número significativo de doutores e doutorandos, o que só acrescenta na formação acadêmica dos alunos e no desenvolvimento de atividades científicas.

No ano de 2016, o curso completou 50 anos formando professores na região do Contestado. Espera-se que muito mais anos os sigam, sempre com comprometimento e qualidade no Ensino da Geografia. 

O que oferecemos:

Formação docente & responsabilidade socioambiental

O Curso de Licenciatura em Geografia da UNESPAR, Campus de União da Vitória vem, há 50 anos, formando professores, pesquisadores e profissionais apaixonados pela docência e pelo Meio Ambiente!

Isso porque a universidade tem a finalidade de produzir e difundir conhecimentos múltiplos, no âmbito da graduação e da pós-graduação, visando à formação de indivíduos éticos, críticos e criativos, para a qualidade de vida humana. Busca também proporcionar à sociedade meios para apropriação, ampliação, conservação, produção, aplicação e difusão do patrimônio do saber humano, capacitando todos os seus integrantes a atuarem como transformadores da realidade social. Tal finalidade se sintetiza na ideia da ação unitária entre o ensino de graduação e pós-graduação, a pesquisa, a extensão e a cultura (UNESPAR, 2012, p. 12).

No que se refere ao curso de geografia, Cavalcanti (1998) contribui ao afirmar que a construção de conhecimentos geográficos é importante tendo em vista que seu papel é "o de prover bases e meios de desenvolvimento e ampliação da capacidade dos alunos de apreensão da realidade do ponto de vista da espacialidade, ou seja, de compreensão do papel do espaço nas práticas sociais e destas na configuração do espaço" (p. 11). Além disso, o pensar geográfico contribui na contextualização do aluno como cidadão do mundo, capaz de interpretar os fenômenos nas mais diversas escalas, como local, regional, nacional e mundial, com responsabilidade ambiental!

Deste modo, o curso de Licenciatura em Geografia da UNESPAR, Campus de União da Vitória, tem por finalidade:

  • Formar profissionais de Geografia que reflitam criticamente sobre a sociedade em que vivem e que em suas práticas sugiram propostas para sua transformação.
  • Promover o desenvolvimento e a difusão do conhecimento geográfico através da formação do professor-pesquisador com ética e compromisso com a ciência.
  • Formar profissionais conscientes de seu lugar no mundo e que façam da geografia um instrumento para alcançar a cidadania plena, valorizando as diferentes formas de saber, de cultura e de vida de modo a garantir e respeitar à pluralidade social.
  • O compromisso de que o conhecimento geográfico sirva para fortalecer a democracia brasileira e fomentar o desenvolvimento econômico e social da região do Contestado.
  • A responsabilidade para que a educação através do ensino de geografia, nos diferentes níveis, sirva para fomentar outras práticas espaciais por meio da autonomia dos povos e da emancipação social.